Jamesons

– O maior site especializado em Marvel do Brasil

REVELADO! Saiba como a nova fase dos X-Men será publicada no Brasil

No final de julho a editora Panini iniciou a publicação das minisséries Dinastia X e Potencias de X na revista X-Men #1. Mas quando essas minis acabarem, em X-Men #4, que a nova fase dos X-Men de fato terá início no Brasil.

De muitas maneiras Dinastia X e Potencias de X são um grande prelúdio, uma preparação para essa nova fase. Lá fora, a partir dessas duas minis, seis novas mensais surgiram e elas serão compiladas em formato mix aqui no Brasil.

Porém, antes de chegarmos nesses detalhes, confira quais são as revistas que compõe essa nova fase:

X-Men

Com roteiro de Jonathan Hickman (Dinastia X/Potencias de X) e arte de Leinil Francis Yu (Vingadores).

A HQ é o carro chefe da franquia, é onde os principais plots da história serão desenvolvidos. A revista não se focará em uma equipe específica de X-Men, mas mostrará muito da família Summers e o que está acontecendo de importante em Krakoa.

Novos Mutantes

Com roteiro de Jonathan Hickman e Ed Brisson (Velho Logan) e arte de Rod Reis (Soldado Invernal).

Essa HQ é intercalada entre dois escritores. Em uma edição Hickman desenvolve uma trama envolvendo os Novos Mutantes originais pelo espaço, já na seguinte Brisson explora os jovens mutantes de Krakoa. E assim os autores ficam revezando.

X-Force

Roteiro de Ben Percy (Wolverine) e arte de Joshua Cassara (Falcão).

Seguindo o modelo das versões anteriores da X-Force, essa é uma equipe mais violenta, tendo Wolverine, Colossus, Dominó e Quentin Quire na linha de frente. Porém a equipe também terá atuação como a CIA de Krakoa, então enquanto os membros citados acima compõe os agentes de campo, também teremos Jean Grey, Fera, Sábia e Black Tom atuando na parte de inteligência do serviço.

Marauders

Roteiro de Gerry Duggan (Deadpool) e arte de Matteo Lolli (Deadpool).

Marauders é o nome original dos Carrascos, históricos inimigos dos X-Men. Não sabemos ainda se a Panini vai manter essa tradução ou rebatizará o time. Mas a proposta da HQ é mostrar Kitty Pryde, Tempestade, Homem de Gelo, Emma Frost, Bishop e Pyro trabalhando juntos para resgatar mutantes que estão presos em nações inimigas e que desejam ir para Krakoa.

Fallen Angels

Roteiro de Bryan Edward Hill (Killmonger) e arte de Szymon Kudranski (Justiceiro).

Revista focada na Psylocke (Kwannon) agora que ela voltou para o seu corpo original. Ela está tentando encontrar o seu lugar no mundo. X-23 e o Cable também participam da HQ.

Excalibur

Roteiro de Tini Howard (Thanos) e arte de Marcus To (Novos Guerreiros).

Essa vai ser uma equipe que estará explorando alguns conceitos mágicos e históricos dos mutantes. No elenco estão: Apocalipse, Gambit, Vampira, Jubileu, Rictor e a Capitã Britânia.

Como podemos ver, são muitas revistas que estão por vir, não é mesmo? E aqui no Brasil todas sairão juntas na revista dos X-Men, continuando a numeração da HQ após o fim de Dinastia X e Potencias de X.

X-Men #5 vai contar com três edições de número 1 das HQs mencionadas acima e X-Men #6 vai trazer as três edições de número 1 restantes. Essa divisão ocorre pois as primeiras edições contam com quantidades extras de páginas. A partir de X-Men #7 o mix da revista se normaliza e contará com as seis edições de número 2 de cada HQ listada acima.

Lembrando que X-Men # 5 e #6 deverão ser lançadas em novembro e dezembro, respectivamente. Então a editora Panini pode até lá mudar algum detalhe nesse formato de publicação.

Serão edições de mix, com seis edições em cada, o que corresponde a cerca de 120 páginas. O preço deverá se manter no mesmo patamar atual, que são R$24,90.

Essas serão todas as HQs da franquia mutante, não há, por enquanto, nenhuma outra revista que os fãs dos X-Men deverão acompanhar para entender essa fase.

Importante frisar que apesar do leitor brasileiro ter muitos traumas com o formato mix (a compilação de mais de uma HQ em uma única revista), a própria Marvel tem adotado esse formato nos encadernados dessa fase lá fora.

Veja acima os encadernados em formato de mix que a Marvel está lançando lá fora. O volume 1 conta com todas as edições #1, o volume 2 traz todas as edições #2 e assim sucessivamente.

A franquia X-Men está agora toda alinhada, com todos os mutantes vivendo em Krakoa. Tudo está conectado. Então frequentemente os personagens de uma HQ aparecem em outra, além da menção de eventos de outras revistas.

Por esse motivo, dessa vez, o formato mix parece ser uma decisão bastante acertada por parte da Panini. Não faz sentido acompanhar um único título sem conferir o andar da franquia inteira junto.

Mas e então, caro leitor, o que você achou desse formato de publicação? Vai seguir acompanhando as histórias dos X-Men após a conclusão de Dinastia X e Potencias de X? Deixe a sua opinião nos comentários.

error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D