Jamesons

– O maior site especializado em Marvel do Brasil

Conheça a história do Capitão América nativo-americano

Na última quarta-feira foi lançada nos EUA a revista “Os Estados Unidos do Capitão América #3“, HQ que nos apresentou Joe Gomez, o primeiro Capitão América nativo-americano. Ele e um cidadão comum, com grande senso de justiça, que vive na Reserva Kickapoo, no estado do Kansas.

Ele é um operário de obras, um importante faz tudo. Ele pinta, passa reboco, opera máquinas, tá em todas. Nas horas vagas ele também faz a manutenção de geladeiras, pipas e demais coisas para a sua comunidade. Tudo de graça.

Porém a criação do personagem esteve cercada de polêmicas devido a ele ser um um indígena vestindo a bandeira dos colonizadores que exterminaram várias das suas tribos no passado. Na internet muita gente criticou a iniciativa, apontando no mínimo algo de péssimo tom (clique aqui para mais detalhes).

A revista saiu essa semana lá fora e vamos te mostrar o que aconteceu, aí você decide se a polêmica é válida ou se a história se justifica. Combinado? Vamos lá.

Certa vez, enquanto Joe trabalhava comandando um guindaste em uma construção de um prédio, o vilão Aríete, da Gangue da Demolição, apareceu no canteiro de obras e ameaçou matar seus colegas. Joe prontamente usou o guindaste para atacar o vilão.

Ele chegou a ficar pendurado na ponta do guindaste, derrubou o vilão e só não morreu pois foi salvo no último instante pelo Capitão América. E foi nesse momento que ele se inspirou em se ser o Capitão América da sua comunidade.

Ele se cansou de promessas vazias de políticos e autoridades que não entendem o drama de quem realmente precisa de ajuda e suporte. Ele respeita o Capitão América, um homem diferente e que honra as responsabilidades que assume sem nenhuma obrigação. Joe chega a falar para o Steve: “Você não precisa ser o meu herói … mas você pode me inspirar a ser um.”

Confira o discurso dele explicando o motivo de assumir o manto de Capitão América:

Sinceramente? Eu não sei. A cicatriz que carrego é tão profunda que tem raízes em meus ancestrais. Tanto sofrimento em nome do vermelho, do branco e do azul. Quando eu participo de danças tribais, estou conectado a todos no círculo. Kickapoo, Blackfeet, Apache … nós somos o povo da terra chamada América.

Droga, nós já estávamos aqui muito América e vamos sobreviver a isso também. Portanto, se o manto de Capitão América realmente representa as pessoas … estou reivindicando-o para pessoas como eu.

O visual do herói foi inspirado nos trajes de dança da Tribo Kickapoo.

Na história dessa HQ, o vilão Corisco, vestindo o uniforme do Capitão América, roubou o escudo de Steve Rogers e está, junto da filha do Caveira Vermelha, promovendo ataques em áreas chaves do país. Justo nas regiões onde existem pequenos Capitães América locais que protegem as suas comunidades. Como o caso do primeiro Capitão América gay.

Durante um ataque da vilã Pecado, ela atirou nos Capitães América e acertou Joe Gomez, já que seu escudo não era resistente. Ele estava sendo atendido em uma ambulância quando se levantou e tentou deter o vilão que queria matar um candidato a Governador de origem Apache que discursava. No fim não adiantou de nada, Corisco fugiu com o escudo, mas Joe mostrou seu valor.

Ele agora vai se recuperar no hospital e depois seguirá ajudando a sua comunidade. Enquanto Steve Rogers e Sam Wilson, agora com o reforço de Bucky, seguirá procurando pelo escudo do Capitão América e tentando entender as motivações de Corisco e Pecado.

A origem de Joe Gomez foi escrita pela pela geocientista da Tribo Lipan Apache, Darcie Little Badger e pelo desenhista David Cutler, da Primeira Nação Nativo-Americana de Qalipu Mi’kmaq.

Apesar de tudo, Joe e os demais Capitães América locais não devem mais aparecer nas HQs após o fim dessa minissérie. Talvez de maneira pontual no futuro. São personagens apenas para fazer pontas e mostrar como Steve Rogers e os demais Capitães inspiram as pessoas.

Mas e então, caro leitor, o que achou da HQ? Ainda acha desrespeitoso Joe Gomez ser um Capitão América? Ou fez sentido dentro da HQ? Deixe a sua opinião nos comentários.

error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D