Jamesons

– O maior site especializado em Marvel do Brasil

8 easter eggs do 2° episódio de Falcão e o Soldado Invernal que você pode ter perdido

O segundo episódio de Falcão e o Soldado Invernal já está entre nós e tem dado o que falar com as suas participações especiais. Nesse texto nós vamos falar sobre estes e outros easter eggs do capítulo.

8 easter eggs do 2 episódio de Falcão e o Soldado Invernal

1 – Estrela Negra

Lemar Hoskins foi o novo personagem apresentado no MCU nesse segundo episódio. Ele é um soldado, amigo de John Walker e virou o novo parceiro do novo Capitão América, assim como o Bucky foi originalmente para Steve Rogers. Ele atende pela alcunha de Estrela Negra.

Nos quadrinhos Lemar também é um grande companheiro de John, mas ele iniciou a carreira heroica atendendo como Bucky. Mas assim que percebeu que isso era vergonhoso para a comunidade negra, mudou de codinome para Estrela Negra.

2 – Mercador do Poder

OBS: Power Broker é Mercador do Poder no original. Foto: Disney+.

Ao final do episódio, o pessoal da Apátrida diz estar fugindo do Mercador do Poder, o que é mais uma referência que vem direto das HQs. Nos quadrinhos essa é uma organização que desenvolveu um soro para dar poderes como o do super-soldado para as pessoas.

Mas metade das pessoas que passaram pelo experimento morreram ou ficaram gravemente deformadas. Mas tudo isso foi mantido em sigilo e nunca foi divulgado ao público. A organização também utiliza drogas altamente viciantes nas pessoas.

Nas HQs, Mercador do Poder é responsável por dar poderes a vários heróis e vilões menores da Marvel. Mas dois em específico acho que cabem ser mencionados aqui: o Agente Americano (John Walker) e o Estrela Negra. Sim, na série eles não possuem poderes (isso é inclusive mencionado por John na sua entrevista para a TV nesse episódio), mas será que vão adquirir ao longo da temporada?

3 – Turnê do Capitão América

Logo no início do episódio podemos ver John Walker fazendo uma turnê pelos Estados Unidos se divulgando como o novo Capitão América. Isso é basicamente a mesma coisa que o Governo Americano fez com o Steve Rogers quando ele se tornou o Capitão, lá na Segunda Guerra Mundial.

Inclusive, se você prestar atenção, a música tema da turnê é muito semelhante a do Steve, que você confere abaixo:

4 – Apátrida

Nos quadrinhos Apátrida é um vilão chamado Karl Morgenthau e ele tem como objetivo libertar a Terra do Governo Nacional. Na série isso foi adaptado e alterado de maneira significativa. Primeiro que Apátrida deixou de ser o nome de um indivíduo e passou a representar todo um movimento que luta para libertar a Terra do Governo Nacional.

E segundo que Karl Morgenthau virou Karli Morgenthau, a líder da Apátrida, personagem que o Falcão e o Soldado Invernal confundiram com uma refém nesse segundo episódio.

5 – Isaiah Bradley

Nós dedicamos um texto inteiro para falar de Isaiah Bradley e a sua revoltando história nas HQs, clique aqui se tiver interesse de saber em detalhes o que aconteceu com ele. Mas em resumo foi um soldado negro que se alistou para lutar na Segunda Guerra Mundial e acabou se tornando cobaia do experimento do Super-Soldado.

Enquanto centenas de outros homens negros morreram durante os experimentos, Isaiah foi o último a sobreviver e acabou se tornando o primeiro Capitão América negro. Mas mesmo sendo um herói, acabou sendo preso (nas HQs por 17 anos e na série por 30) injustamente.

6 – Patriota

Outro detalhe desse episódio que os leitores das HQs logo identificaram foi o neto de Isaiah, que é ninguém menos do que Elijah Bradley, o jovem herói conhecido como Patriota.

Nos quadrinhos ele faz parte dos Jovens Vingadores originais, ao lado de outros personagens que já despontaram (ou estão para despontar) no MCU: Estatura (filha do Homem Formiga), Wiccano e Célere (filhos da Feiticeira Escarlate) e a Gaviã Arqueira (parceira do Gavião Arqueiro na sua vindoura série).

Nos quadrinhos o Patriota mentiu que ganhou poderes através de uma transfusão de sangue do seu avô, mas ele estava se injetando Hormônio de Crescimento Mutante (talvez na série adaptem para algo relacionado o Mercador do Poder) para ter força extra. Mas acabou se viciando e após uma espécie de overdose deixou isso de lado.

Eventualmente ele acabou se ferindo gravemente e então sim recebeu uma transfusão de sangue do seu avô, Isaiah Bradley, e ganhou enfim os seus poderes.

7 – Cena da prisão

Uma das cenas que mais repercutiu desse segundo episódio de Falcão e o Soldado Ivernal foi depois que Sam e Bucky saem da casa de Isaiah. Eles estão discutindo na rua, quando surge uma viatura da polícia questionando se o Sam estava perturbando o Bucky.

Toda a cena foi construída para mostrar o racismo estrutural da polícia que sempre presume primeiro que a pessoa errada é a de pele negra. Mas na sequência o policial descobre que eles são Vingadores, grandes heróis nacionais, fica constrangido e os libera.

O escritor Nick Spencer e o desenhista Daniel Acuña são mencionados nos créditos do episódio e eles produziram uma cena ligeiramente semelhante nas HQs. A cena é semelhante em essência, mas é uma situação completamente diferente.

Na história em questão o Falcão foi impedir o vilão Ardiloso de roubar um banco, mas a polícia chegou e prendeu o Falcão. Foi preciso que o próprio Capitão América fosse até a delegacia libertar seu amigo Sam.

O diálogo entre Sam, Steve e o policial na prisão foi exatamente esse:

Steve: Aquele homem que você achou ser um Vingador …
Sam: Ele quis dizer o cara branco.
Steve: … era na verdade o Ardiloso. Ele é o criminoso que estava roubando o banco. E esse homem? Sam WIlson, o Falcão?
Sam: O cara negro.
Steve: Ele estava tentando prender o Ardiloso. E teria conseguido … se você não tivesse prendido ele.

Dê um zoom e leia toda essa situação nas páginas abaixo:

8 – Arma de fogo

Quando o Agente Americano e o Estrela Negra foram ajudar o Falcão e o Bucky, foi possível ver que John Walker utiliza uma pistola junto do seu equipamento. Essa é uma diferença significativa em relação ao Steve Rogers.

O antigo Capitão América usava apenas o seu escudo. Não que ele nunca tenha usado armas de fogo, ele usava, mas em situações mais extremas e principalmente na Segunda Guerra Mundial.

Nos quadrinhos, essa diferença entre eles é bem significativa, pois John, ao contrário de Steve, não tem escrúpulos e é muito mais selvagem, violento e raivoso, matando vilões e capangas sem nenhum remorso, diferente do Steve.

Mas e então, caro leitor, identificou mais algum easter egg que deixamos passar? O que está achando de Falcão e o Soldado Invernal? Deixe a sua opinião nos comentários.

error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D