Criador do Justiceiro avisa: “ele não deve ser um símbolo de opressão”

Nos últimos dias, em meio as enormes manifestações raciais que tomam conta dos Estados Unidos, uma pauta voltou a tona: o uso da caveira, símbolo do Justiceiro, por policiais americanos.

Recentemente a Disney anunciou uma doação de $2 milhões para a NAACP (Associação Nacional para o Progresso das Pessoas de Cor) e outras organizações com propósitos semelhantes.

O roteirista Matt D. Wilson então aproveitou para apontar que a Disney, dona da Marvel, deveria exigir que os policiais que fazem uso da caveira do Justiceiro, como uma atitude intimidadora, fossem proibidos de relacionar a imagem da corporação com a do anti-herói da editora.

O Justiceiro, nos quadrinhos, é um ex-militar cuja família inteira foi morta pela violência urbana. Ele então passou a dedicar os seus dias para matar todos aqueles que cometem crimes.

O que torna Frank Castle, o Justiceiro, um anti-herói é justamente o fato dele atuar como o o juiz, juri e executor. Ele mata as pessoas que cometem crimes sem nenhum pingo de piedade.

E quando a polícia passa a fazer uso desse símbolo, levando a mensagem de que se sentem representados no Justiceiro, ela está avisando que matará as pessoas que entenderem que são criminosas, também sem um pingo de piedade.

E essa situação, em meio ao movimento #BlackLivesMatter, que discute a violência polícia em relação as pessoas pretas e que teve como estopim a morte de George Floyd, um homem preto morto durante uma abordagem policial, é bastante problemática.

A Disney ou a Marvel enquanto empresas ainda não se manifestaram sobre o uso da caveira do Justiceiro pelos policiais. Porém, três importantes escritores do Justiceiro já se manifestaram sobre isso. Confira o que eles tem para dizer.

1 – Gerry Conway

O Justiceiro foi criado numa história do Homem-Aranha. Ele e o Amigão da Vizinhança sempre tiveram muitos problemas devido ao seu modo de enfrentar o crime.

Gerry é ninguém mais do que o co-criador do personagem, e declarou o seguinte: “Qualquer ‘policial’ que usa o logotipo do Justiceiro de maneira oficial, está identificando policiais com foras da lei” e continuou, “Esses ‘policiais’ são uma vergonha para os policiais sérios em todos os lugares. Eles mostram um nível imbecil de irresponsabilidade e devem ser demitidos imediatamente“.

2 – Garth Ennis

Ennis é talvez o escritor mais popular do Justiceiro, ele já escreveu diversas HQs aclamadas pela linha Max. Confira o que ele tem a dizer sobre o personagem: “Essencialmente, ele [o Justiceiro] é um pistoleiro e não um super-herói – e, como resultado, um passo mais perto do mundo real, ele é apenas o personagem que você deseja quando está explorando o lado mais desagradável da existência humana.”

3 – Matthew Rosenberg

Rosenberg foi o escritor da última revista mensal de Frank Castle. Ele escreveu, inclusive, uma história em que o anti-herói topa com policiais que usam a sua caveira na viatura de polícia.

Os policias abordaram Frank na rua, ele estavam com as mãos manchadas de sangue pois recém havia matado algumas pessoas, mas os policiais ficaram extremamente honrados quando descobriram que estavam em frente ao Justiceiro. Inclusive avisaram que fazem parte do seu “fã-clube”.

Os policiais tiram selfie, mostram o adesivo da caveira do Justiceiro e avisam “nós acreditamos em você“. Eis então que Frank remove o adesivo do carro e passa o seguinte aviso aos policiais:

Eu vou dizer isso apenas uma vez. Nós não somos iguais. Você jurou defender a Lei. Você ajuda as pessoas. Eu já desisti disso tudo há muito tempo. Você não faz o que eu faço. Ninguém faz. Garotos, vocês precisam de um modelo para seguir? O nome dele é Capitão América e ele ficaria muito feliz com isso.

E quando os policiais tentaram se justificar, Castle foi ainda mais claro: “Se eu descobrir que vocês estão tentando fazer o que eu faço, irei atrás de vocês“.

Pois bem, caros leitores, ficou bastante claro o motivo pelo qual a imagem da caveira do Justiceiro não deve ser relacionada a policiais e a qualquer pessoa dentro da Lei, não é mesmo?

Estamos falando aqui da situação que atualmente ocorre nos EUA, mas não vamos nos esquecer que a realidade brasileira não é muito diferente. Também temos agentes da Lei corruptos por aqui usando erroneamente a figura da caveira do Justiceiro.

Mas e então, caros leitores, o que vocês acharam disso tudo? Concordam que é repugnante que os policiais associem a imagem do Justiceiro à corporação? Deixe a sua opinião nos comentários.

Please follow and like us:
error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D