Conheça 15 outros Capitães América que não são o Steve Rogers

Quando a gente fala no Capitão América, imediatamente remetemos ao líder dos Vingadores, que lutou na Segunda Guerra Mundial, Steve Rogers. Porém, acredite, existiram muitos outros Capitães América no Universo Marvel.

Bom, sem mais delongas, vamos direto para a lista pois ela é extensa:

1 – Steven Rogers

Tudo começa com o Steven Rogers, certo? Correto, mas não o Rogers que você está pensando. Acredite se quiser, mas existiu um Capitão América, cujo nome civil também era Steven Rogers e que lutou na Guerra da Independência dos EUA, entre 1775 e 1783.

Ironia ou não, essa primeira versão do Capitão América é um ascendente do Capitão América que se tornou líder dos Vingadores. A primeira citação desse personagem nas HQs ocorreu em 1976, nas páginas de Capitão América #194.

2 – Isaiah Bradley

Após a morte do cientista que criou o soro do super-soldado para o Capitão América na Segunda Guerra Mundial, o exército americano recrutou à força 300 soldados negros para testar uma nova versão do soro, Isaiah foi um dos poucos que sobreviveu.

A última missão de Bradley na Segunda Guerra foi um ataque suicida para matar um cientista alemão que estava perto de conseguir replicar o soro do super-soldado. Isaiah pegou o uniforme do Capitão América original escondido e acabou tendo êxito.

Ao voltar para os EUA foi condenado a prisão por ter roubado as coisas do Capitão América original. Ficou 17 anos preso, o soro que estava no seu corpo não era perfeito e acabou afetando seu corpo e mente. Eventualmente o Presidente John F. Kennedy acabou lhe concedendo perdão presidencial. Isaiah é avô do Patriora, herói adolescente que fundou os Jovens Vingadores.

3 – William Nasland

William era um combatente que lutou na Segunda Guerra Mundial ao lado de outros heróis, mas não tinha poderes. Representou os Estados Unidos na Grã-Bretanha sob a alcunha de Espírito de 76 e após a morte do Capitão América original foi convidado pelo governo americano a vestir o manto e manter o símbolo vivo.

Um jovem chamado Fred Davis assumiu o manto do Bucky e assim a dupla substituiu os heróis originais em 1945, três anos após as suas mortes. A dupla participou de diversas missões e conseguiram honrar o legado do Capitão América.

Mas assim como Steve Rogers, Nasland também acabou morrendo em uma missão. Antes de partir ele ainda conseguiu passar o manto para Jeffery Mace.

4 – Jeffrey Mace

Mace cresceu na Rua Yancy (sim, aquela mesma do Quarteto Fantástico) e na vida adulta trabalhou como jornalista no Clarim Diário. Durante a Segunda Guerra Mundial acabou se inspirando no Capitão América e passou a atuar como Patriota, em trabalhos de espionagem.

Mace herdou o manto de Capitão América de Nasland e atuou até 1950, quando entendeu que os Estados Unidos não precisavam mais de um Capitão América. Então aposentou o uniforme e voltou a trabalhar como jornalista.

Vale destacar que uma adaptação de Jeffrey Mace chegou a aparecer na série Agentes da SHIELD.

5 – William Burnside

O sexto Capitão América (mas o quarto oficial) nasceu em 1930, cresceu idolatrando o Capitão América e ficou arrasado quando soube da sua morte durante a Segunda Guerra Mundial.

Williams acabou se tornando obcecado pelo herói, se formando em história e apresentando uma tese sobre o Capitão América. Enquanto os cidadãos americanos não sabiam que Steve havia sido dado como morto e que Nasland e Mace tinham o substituído, Burnside já tinha descoberto tudo.

Viajou para a Alemanha com o objetivo de estudar a perspectiva dos nazistas sobre o Capitão América e acabou encontrando em manuscritos a fórmula do super-soldado, que entregou ao governo americano.

Burnside sugeriu a criação de um novo Capitão América, já que Mace havia se aposentado. O governo achou a ideia boa, já que precisavam de um símbolo para a Guerra da Coreia. O estudioso, no entanto, topou entregar a fórmula apenas se ele próprio pudesse ser o novo Capitão América.

William então mudou seu nome em cartório, adotando agora a alcunha de Steve Rogers e fez inclusive cirurgias plásticas para ficar parecido com a versão original do herói. Só que a Guerra da Coreia acabou e o governo desistiu da ideia.

Eventualmente William acabou encontrando um garoto fascinado pelo Bucky e durante um ataque de uma versão comunista do Caveira Vermelha, a dupla roubou o soro do super-soldado e acabaram se injetando.

A formula não era perfeita, então em um primeiro momento eles ganharam poderes e passaram a agir como os verdadeiros Capitão América e Bucky, enganando até o governo. Porém com o tempo foram ficando instáveis, esquizofrênicos até que o próprio governo os congelou e ficaram em animação suspensa por décadas.

6 e 7 – Bob Russo e Scar Turin

Na década de 70, quando Steve Rogers abandonou o manto de Capitão América e passou a atuar como Nômade, dois civis decidiram que iriam assumir o manto do Capitão América.

Eles não consultaram o governo, o Steve e nem ninguém. Apenas tomaram a decisão, vestiram o manto e foram para a rua tentar salvar o dia.

Russo, que era ex-jogador de baseball, acabou logo na sua primeira tentativa de frustrar um assalto se machucando e ferindo o braço. Já Scar era um motociclista e ao decidir enfrentar uma gangue, acabou apanhando feio.

As aventuras desses dois personagens foram mostrada em Capitão América #178 e 179, de 1974. Obviamente os dois desistiram de ser o Sentinela da Liberdade após a primeira e frustrante missão.

8 – Roscoe Simmons

Roscoe era um grande fã de Steve Rogers e quando viu seu ídolo se tornar o Nômade, decidiu que era a sua vez de se tornar o Capitão América. Só que ao contrário de Bob Russo e Scar Turin, Roscoe mostrou grande habilidade.

Ele se provou em batalha e recebeu o apoio e escudo do Steve Rogers. O Falcão inclusive se dispôs a treiná-lo, mas para ser sincero esperava que Simmons desistisse da ideia.

Acabou que no final o pior aconteceu. Em um confronto com o Caveira Vermelha, o vilão matou Roscoe ao descobrir que ele não era o Capitão América original. O jovem foi torturado e crucificado, para servir de exemplo.

A morte de Roscoe Simmons fez com que Steve Rogers decidisse abandonar a alcunha de Nômade e voltasse a ser o Capitão América.

9 – John Walker

Walker se tornou Capitão América em 1987, após Steve Rogers abandonar o manto novamente, dessa vez devido ao exército querer controlar todas as suas atividades. Ele passou então atuar simplesmente como Capitão.

Walker foi o escolhido pelo governo para substituí-lo, ele já atuava pelos EUA sob o nome de Super-Patriota. Diferente de Steve, John era violento, matava inimigos e não demonstrava ter escrúpulos.

Eventualmente John Walker foi considerado indigno do manto de Capitão América, que voltou para Steve Rogers. John seguiu então atuando como Agente Americano, o personagem inclusive estará em breve estreando no MCU, participando da série Falcão e o Soldado Invernal no Disney+.

10 – Bucky Barnes

Quando Steve Rogers foi morto logo após a saga Guerra Civil, seu fiel companheiro na Segunda Guerra Mundial, Bucky, acabou assumindo o manto.

Barnes recém estava retomando o controle das suas faculdades mentais, após décadas de abusos e manipulações, quando atuou secretamente como Soldado Invernal, sendo controlado pela União Soviética.

Bucky se juntou aos Vingadores e enfrentou importantes missões como Capitão América. E mesmo após o retorno de Steve, seguiu atuando como o Sentinela da Liberdade.

Foi apenas após a saga Essência do Medo, quando foi gravemente ferido, que ele devolveu o manto para Rogers e voltou a atuar nas sombras como o Soldado Invernal.

11 – Sam Wilson

Quando Steve Rogers perdeu o soro do super-soldado que corria em suas veias e envelheceu, se tornando um senhor de idade, foi Sam Wilson que ele escolheu para manter o símbolo do Capitão América vivo.

Sam, que por muito tempo atuou como Falcão ao lado do Capitão América, finalmente conseguiu o protagonismo que tanto merecia. Seu período vestindo o manto foi marcado por uma fase em que ele usou o símbolo para se posicionar politicamente, salvando imigrantes ilegais, participando da Parada LGBT e enfrentando o o racismo nas ruas.

Sam também enfrentou a versão maligna do Capitão América, o Capitão Hidra, e devolveu o manto para Steve Rogers quando ele voltou à ativa após a saga Império Secreto.

Bônus! Realidades alternativas.

12 – Capitã América 2099

No longínquo futuro do ano 2099, Roberta Mendez foi submetida a força à experimentos com a formula do super-soldado que lhe deram os poderes do Capitão América.

Porém uma dinâmica interessantes dos seus poderes é que a sua versão civil (Roberta) e a heroica (Capitã América) tinham personalidades diferentes e não sabiam que eram uma pessoa só.

13 – Agente Carter

Em um mundo onde Steve Rogers e o Dr. Abraham Erskine foram mortos por um espião nazista, quem acabou recebendo o soro do super-soldado foi Peggy Carter.

Ela honrou o manto que vestiu e lutou na Segunda Guerra Mundial ao lado da sua fiel escudeira Becky Barnes. Eventualmente a Capitã América se juntou aos Exilados e ajudou a salvar o Multiverso.

14 – Danielle Cage

Outra versão futura do Capitão América que já foi apresentada nas HQs foi Danielle Cage, a filha dos heróis Luke Cage e Jessica Jones.

No futuro de 20XX ela participa dos Vingadores e já chegou a viajar para o seu passado (o nosso presente) onde ajudou a capturar o vilão Caveira Dourada.

15 – Samantha Wilson

No universo alternativo de onde a Gwen-Aranha veio, quem atua como Capitã América lá é Samantha Wilson, a contraparte alternativa e feminina de Sam Wilson (o 11° Capitão América dessa lista).

Ela se candidatou para lutar na Segunda Guerra Mundial inspirada nos pilotos aviadores afro-americanos. Ela se tornou a primeira piloto negra e acabou sendo convidada por Peggy Carter para receber o soro do super-soldado no Projeto Renascimento.

Ela participou do experimento junto de candidatos como Bucky Barnes, Steve Rogers e Isaiah Bradley, mas ela foi a única a sobreviver devido a uma manipulação nazista do soro.

Mas e então, caro leitor, conhecia todas essas 15 versões do Capitão América? É muita gente, não é mesmo? E mesmo sem contar as Capitãs América alternativas, na cronologia principal muitas pessoas diferentes vestiram o manto.

Você gosta de matérias como essa? Tem sugestão de outras que gostaria de ler? Deixe a sua opinião nos comentários.

Please follow and like us:
error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D