SEM SPOILERS: Marvel muda a sua forma de se relacionar com os leitores

O mercado americano de quadrinhos funciona da seguinte maneira: com três meses de antecedência é divulgado o catálogo de HQs de todas as editoras. Até uma semana antes do lançamento da publicação, as lojas podem encomendar a quantidade de revistas que entendem que vão vender, ou que seus clientes solicitaram.

Normalmente essas encomendas são bastante céticas. Pois toda revista que não é vendida se torna um eventual prejuízo para a loja. Mas o foco desse post são esses complicados três meses de antecedência. Imagine que, por exemplo, que o Pássaro Trovejante retornará em uma revista a ser publicada no mês de abril, OK? Isso deveria ser um segredo, mas nesse formato dos três meses, a HQ precisará ser publicizada já no mês de janeiro.

E o pior nos dois meses seguintes (fevereiro e março), a editora precisará continuar a esconder o retorno do Pássaro Trovejante. E isso é feito com sinopses vagas/enganosas, capas que não contenham a presença do personagem e com os autores dando entrevistas despistando os jornalistas sobre o retorno.

Usualmente as editoras utilizam esse gatilho de retorno como publicidade, promovendo as revistas às custas desses retornos. Afinal, é complicadíssimo segurar os spoilers por três meses inteiros. A tarefa não é fácil, mas a Marvel está decidida a comprar essa briga.

Em um passado recente, tanto a Marvel quanto a DC utilizaram spoilers para promover as suas revistas. O final da saga Império Secreto, que marcou o retorno da figura heroica do Capitão América, foi vazado para o site do NY Times.

Essa imagem foi divulgada pelo NY Times, antes do lançamento da revista, dando spoiler sobre o final da saga Império Secreto. Foto: Marvel Comics.

A concorrente, DC Comics, adotou uma prática semelhante, vazando para o NY Times o final da edição em que o Batman pede a Mulher-Gato em casamento e mais recentemente vazando inclusive o capítulo do próprio casamento. O propósito dessa estratégia é despertar o interesse daqueles leitores que tradicionalmente não compram essas HQs, com um estalo do tipo: “Opa, isso aí pode ser interessante, vou ler“.

Só que este formato parece não estar mais dando certo. Pois com tanta informação sendo dada ao leitor antes dele de fato ler a revista, o mesmo acaba não se envolvendo tanto com a publicação e o que deveria ser uma experiência imersiva única, acaba se tornando algo esquecível.

A Marvel já está mudando a sua postura quanto a isso, buscando se relacionar de uma forma diferente com o leitor, sem spoilers. A estratégia parece ser uma iniciativa do próprio Editor-Chefe C. B. Cebulski, que assumiu o cargo no final de 2017.

Para exemplificar essa mudança na postura da Marvel, trago aqui o principal case atual da editora. Vou listar os acontecimentos por ordem cronológica:

1. No final do ano passado a Marvel divulgou o que seria o “casamento do século“. Os mutantes Colossus e Kitty Pryde, após décadas de namoro, iriam finalmente unir as suas escovas de dentes.

Teaser lançado apontando que teríamos um casamento do século nas HQs. Foto: Marvel Comics.

2. Já em abril, houve o anúncio de uma revista misteriosa que seria lançada em julho (os três meses de antecedência, viram?). Na ocasião a Casa das Ideias não revelou a equipe criativa envolvida no projeto, nem sinopse e muito menos capa, a única informação que foi dada era que tratava-se de uma história dos X-Men. Para todos os efeitos a HQ não recebeu nenhuma publicidade.

O anuncio original da revista mutante que foi mantida em sigilo por dois meses. Foto: Marvel Comics.

3. Foi em junho que a Marvel publicou X-Men Gold 30, com o tão prometido “casamento do século“. E para a surpresa de todos, no final da edição, revelou-se que Kitty e Colossus não se casaram, mas a Vampira e o Gambit casaram no lugar. E na última página ainda continha o anúncio de Sr. e Sra. X, revista mensal que a partir de julho seria protagonizada pelos pombinhos recém casados.

A identidade de Sr. e Sra. X foi mantido em sigilo pois estragaria a surpresa final de X-Men Gold.

Conseguem ver o esforço que a editora fez para manter o segredo final da HQ em sigilo? O  Editor-Chefe da Marvel C.B. Cebulski em seu Twitter confirmou que o ocorrido em X-Men Gold é apenas a primeira de muitas outras novidades nesse mesmo estilo. Confira o tweet:

“Olá fãs da Marvel … a surpresa do casamento no final do X-Men Gold #30 foi apenas um dos vários segredos que estamos segurando nas nossas histórias! Tem muitas reviravoltas, retornos e suspenses se aproximando nas HQs da Marvel neste verão!

E para não dizer que esse é um caso isolado, nessa semana que passou, no lançamento da nova revista do Espetacular Homem-Aranha, sob a batuta da equipe criativa Nick Spencer (Capitão América) e Ryan Ottley (Invencível), tivemos mais uma prova dessa nova prática editorial.

Não vou revelar o acontecimento pois é um spoiler do final da edição (mas se você quiser saber do que se trata, clica aqui). Mas é um acontecimento que é tão impactante e bombástico para a vida do Homem-Aranha, que no passado a Marvel teria se utilizado desse acontecimento para promover a HQ.

O editor das revistas da franquia do Aranha, Nick Lowe, em uma carta publicada nessa mesma revista confirmou a nova postura da editora. “É realmente muito difícil manter segredos dos leitores atualmente. Nós não apenas solicitamos edições e capas com meses de antecedência, mas também vivemos em uma época onde as pessoas ficam tentando revelar as novidades das HQs antes do tempo“, falou o editor na carta.

Um trecho da carta publicada no final de Espetacular Homem-Aranha #1. Foto: Marvel Comics.

O interessante de se destacar nessa nova estratégia que a Marvel está adotando, é que a experiência do leitor permanece intacta. Inclusive, há uma predisposição do leitor gostar mais da HQ devido o fator surpresa, e isso poderá gerar reviews positivos e uma promoção boca a boca tão ou mais eficiente do que se tivessem revelado os spoilers na internet antes da hora.

Agora é aguardar para descobrir quais são os próximos segredos que estarão escondidos nas HQs. A Marvel publica seus quadrinhos semanalmente, toda quarta-feira, lá nos Estados Unidos. Fiquem atentos.

Confira também essas novidades