O Miles Morales arranjou um John Jonah Jameson para chamar de seu?

Peter Parker é um dos personagens com o melhor elenco de apoio na Marvel. Interesses amorosos como Mary Jane, Gwen Stacy, Carlie Cooper e Gata Negra e amigos como Harry Osborn, Flash Thompson e Betty Brant são apenas alguns deles.

Mas há um personagem em específico que se destaca. Ele sobrevoa entre o caminho dos coadjuvantes e, em alguns casos, até na galeria de vilões: John Jonah Jameson.

Dentro das histórias a função de Jonah é basicamente uma só: tornar a vida do Homem-Aranha mais difícil do que já é. É uma pessoa normal, sem poderes, mas que usa a sua influência para complicar as aventuras do herói.

Sendo assim, dadas as proporções, o Miles Morales, que também é o Homem-Aranha, acaba de ganhar um “inimigo” nesse mesmo estilo: Lyle Dutcher. Personagem inserido na revista Miles Morales: Homem-Aranha #4, material ainda inédito no Brasil e com roteiro de Saladin Ahmed (Raio Negro) e arte de Javier Garrón (Guerreiros Secretos).

Lyle é o vice-diretor da Academia de Visões do Brooklyn, escola frequentada por Miles. Ele está de olho na ficha escolar do jovem Morales e identificou que ele está sempre estranhamente atrasado e fazendo viagens para fora do campus estudantil. A conclusão que ele chegou? “Miles Morales é um gazeador de aulas!“.

Lyle então passa a ficar de olho em Miles, questionando os professores sofre as ausências do garoto. Até que Miles falta em uma aula alegando estar doente. Lyle até os dormitórios para conferir se é verdade e quase descobre a mentira.

Ironicamente o vice-diretor é um grande admirador do Homem-Aranha e a sua noção de responsabilidade. Inclusive acredita que o herói poderia ensinar algumas coisas a Miles Morales.

Acontece que, nesse dia em que Lyle resolveu pegar no pé de Miles, o garoto realmente estava gazeando aula para namorar (e salvou o dia algumas vezes nesse meio tempo).

Então quando o vice-diretor voltou mais tarde para fiscalizar o dormitório, Miles havia sido avisado por Ganke e retornou a tempo de fingir que estava doente.

Bom, pelo menos por enquanto o Miles se livrou de Lyle Dutcher, mas será que ele terá a mesma sorte da próxima vez? Ao que tudo indica o vice-diretor estará frequentemente infernizando a vida do garoto tal qual John Jonah Jameson faz com Peter Parker.

Outro aspecto que aproxima Lyle e Jonah são os seus exageros. Ambos personagens parecem estar sempre no ápice do estresse, gritando, babando e gesticulando bastante. Mesmo em situações que não exigem tanto nervosismo.

Um ponto curioso de Lyle Dutcher é que ele parece ter uma clara referência no diretor Ed Rooney, interpretado pelo ator Jeffrey Jones, no filme “Curtindo a vida adoidado“. No longa o personagem também persegue o protagonista, que é um estudante que está gazeando aula.

Mas e você, caro leitor, gostou do vice-diretor Lyle Dutcher? Acha que ele ainda vai dar muita dor de cabeça para o Miles? Deixe a sua opinião nos comentários.

Please follow and like us:
error

Espera aí meu jovem, já vai embora? Esperamos que você tenha gostado do conteúdo do site. Mas não esquece de nos seguir nas redes sociais abaixo para curtir mais material sobre a Marvel :D