Magneto volta ao status de vilão nos quadrinhos

A Marvel publicou hoje X-Men Blue #36, a última edição da revista. Nela, fomo apresentados ao novo status quo do Magneto, que está voltando às origens, tendo uma atuação mais vilanesca.

Nos últimos 10 anos Magneto esteve auxiliando os X-Men e atuando com um herói. No cenário mais delicado, ele caminhou na área cinzenta, ocupando o posto de antagonista, não de vilão. Mas agora, após essa fase mais “de boa”, o eterno aspirante a líder da espécie mutante voltará às origens.

Recentemente o Magneto viajou para o futuro, onde constatou um cenário terrível para a espécie mutante. A partir de então, assim que voltou ao presente, mudou a sua postura e recriou a Irmandade de Mutantes. A equipe agora é composto por: Magneto, Elixir, Exodus, Medula, Briar Raleigh, Groxo e Unuscione. A equipe usa o recém recriado Asteroide M como base de operações.

Uma das primeiras atitudes dessa nova Irmandade foi atacar uma manifestação anti-mutante. A televisão cobriu toda a ação e definiu como um ataque do terrorista e supremacista Magneto e sua nova Irmandade de Mutantes.

Com o final de X-Men Blue, o Magneto voltará a ter destaque na one-shot X-Men Black: Magneto. Na história deveremos ter um desenvolvimento mais aprofundado sobre essa sua nova fase vilanesca. Curiosamente, a HQ será escrita por Chris Claremont, lendário escritor dos X-Men e o grande responsável por tornar o Magneto o grande antagonista que ele é atualmente.

X-Men Black: Magneto terá roteiro de Chris Claremont (Fabulosos X-Men) e arte de Dalibor Talajic (Velho Logan) e será publicada no dia 03 de outubro.

Confira também essas novidades