Confira o novo status quo da Emma Frost nos quadrinhos

A Marvel segue publicando a série de one-shots denominadas X-Men Black, que trazem como protagonistas diversos vilões dos X-Men. Comentamos semanas atrás sobre a edição focada no Mojo. Porém, nessa semana, a surpresa foi o desenvolvimento dado para a Emma Frost.

No início dos anos 2000 a mutante Emma Frost ganhou um grande desenvolvimento como uma legitima heroína e membro dos X-Men. A Rainha Branca se consolidou como uma importante Professora/Diretora do Instituto Xavier e um fiel par romântico com o Ciclope.

Porém, desde 2017, quando a Marvel publicou a minissérie Morte do X e a saga Inumanos vs X-Men, a mutante tem caminhado, sem destino, entre o o heroísmo e a vilania. Com a morte de Scott Summers, a Emma ficou claramente alterada e o seu desenvolvimento variou bastante.

O que o leitor pode esperar, a partir de agora, é uma maior constância na caracterização de Emma Frost. Em X-Men Black encontramos a mutante decidida a combater Sebastian Shaw, o Rei Negro do Clube do Inferno. O vilão tem um passado com a Emma e esteve no centro da situação envolvendo o Mothervine em X-Men Blue.

A escritora Leah Williams (X-Men Gold Anual) e o desenhista Chris Bachalo (Fabulosos X-Men) estabeleceram uma Emma Frost firme, decidida e heroica (apesar de não utilizar os métodos mais ortodoxos).

Na revista a Emma conta com a ajuda dos X-Men para deter territórios pontuais do Clube do Inferno, enquanto utiliza os seus poderes telepáticos para abrir caminho até Sebastian Shaw. Destaco aqui o ótimo uso da telepatia, ela cria um caos generalizado e força as pessoas a lhe deixarem passar.

Emma derrota Sebastian e se declara o novo Rei Negro do Clube do Inferno. Destaco aqui que ela não é a Rainha, mas Rei. O Rei do Clube do Inferno sempre foi a posição mais alta da instituição.

Nas páginas finais da HQ, Frost envia uma carta aos X-Men que lhe auxiliaram, contando que ela que comanda o Clube do Inferno e que buscará mudar a organização. Ela também desabafa e fala que estava em luto, o que justificaria a sua inconstância de caracterização após a morte de Scott Summers.

Agora Emma Frost está com um novo status quo. É a Rei Negro do Clube do Inferno e certamente buscará utilizar a organização para fins mais saudáveis do que Sebastian Shaw planejava. Não sabemos ainda quando será a próxima vez que veremos a personagem nos quadrinhos, mas com o lançamento de Fabulosos X-Men nas próximas semanas, acredito que será em breve.

Mas e você, caro leitor, o que achou da novidade? Gostou do novo status quo de Emma Frost? Deixe a sua opinião nos comentários.

Confira também essas novidades